sábado, 2 de junho de 2012

Eixo temático: terra, vida, trabalho - Prof. Sandra - Escola Weimar Torres - Guassulândia

Uma disciplina que veio somar aos esforços educacionais de escolas como a nossa, que atende alunos que vivem no campo, que vivem plantando, colhendo, criando animais para que a população possa ter alimentos. Aqui os alunos trocam informações, aprendem novas técnicas de manejo através de um aprendizado voltado para uma agropecuária mais saudável, visando um alimento saudável, orgânico, respeitando os padrões agroecológicos. Estou muito feliz em poder estar trabalhando com essa disciplina.
Vejam a pequena horta  que eles mesmos plantaram com diversidade e sem veneno químico. Um trabalho bonito e cheio de amor. Ah....e quem quiser colaborar doando enxadas, pás, regadores, telas de metal, precisamos para proteger a horta e também para cercar a composteira que está sendo formada.
Juliana do Primeiro Ano colhendo Couve


Os matos que nascem vão sendo retirados aos poucos, porque é bom também haver um pouco de mato para controlar as pragas senão elas avançam sobre a horta.



Mário entende mesmo, campinando para formar um novo canteiro.

Aqui em meio as folhas secas, dá uma misturada, revolvendo um pouco para que a decomposição seja mais rápida. Aqui só tem folhas secas, portanto, ainda não há mistura de restos de alimentos para decomporem junto.


Um pouco de adubo já se formou, então eles aproveitam para peneirar e usar na horta. A composteira ainda não está pronta, porque precisamos fazer as camadas e cercar.


Logo, com ajuda de todos que puderem, cercaremos a composteira e faremos camadas com folhas secas e restos de alimentos vegetais para um adubo mais rico.

Dá gosto ver, e saber que tudo isso é trabalho de uma educação para o campo que realmente funciona. Onde não havia nada, agora há vários tipos de  alimentos plantados: Couve, alface crespa e americana, salsa, cebolinha, rúcula, nabo, brócoli, cenoura, repolho, beterraba, maxixe e quiabo. 


Aqui foi o início da horta














Eles fizeram limpeza do local para formar os canteiros.



Nenhum comentário:

Postar um comentário