terça-feira, 7 de outubro de 2014

EMBRIOLOGIA - 1º ANO



PRIMEIRO ANO DAS ESCOLA HILDA BERGO, VANIA MEDEIROS LOPES, EUFROSINA PINTO, ASSISTAM. ESTUDEM.

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

SUCESSÃO ECOLÓGICA E BIOMAS

ALUNOS DO TERCEIRO ANO DAS TRÊS ESCOLAS, ASSISTAM!

SUCESSÃO ECOLÓGICA

Amados alunos das 3 turmas do terceiro ano, assistam!!!!

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Mitose

A interfase e a Duplicação do DNA
Houve época em que se falava que a interfase era o período de “repouso” da célula. Hoje, sabemos, que na realidade a interfase é um período de intensa atividade metabólica no ciclo celular: é nela que se dá aduplicação do DNA, crescimento e síntese. Costuma-se dividir a interfase em três períodos distintos:G1S e G2.
O intervalo de tempo em que ocorre a duplicação do DNA foi denominado de S (síntese) e o período que antecede é conhecido como G1 (G1 provém do inglês gap, que significa “intervalo”)O período que sucede o S é conhecido como G2.
Observem o que ocorre nas fases da mitose



sexta-feira, 6 de junho de 2014

E.E. EUFROSINA PINTO - CÉLULAS, RNA, DNA, BOMBA DE SÓDIO E POTÁSSIO



Os alunos do primeiro ano do Ensino médio apresentaram seus trabalhos com maquetes e desenhos sobre células, DNA, RNA e a Bomba de Sódio e Potássio utilizando a criatividade. A bomba de Sódio e Potássio foi inteligentemente representada por uma batatinha e os íons Sódio e Potássio com bolinhas encaixadas de maneira que quando a batata gira ocorre a entrada e a saída desses íons nas quantidades certas de cada um.
As formas celulares como neurônios, a alga spirogira, o protozoário Paramécio e a ameba, célula muscular, foram criativamente representados com crochê (neurônio), aveia, cenoura, folha (paramécio), folha de mangueira (célula muscular). A duplicação de DNA foi representado com palitos de picolé, canudos e cordão.

 Bomba de Sódio e Potássio
 Formas celulares
 RNA E DNA
 DUPLICAÇÃO DO DNA

BOMBA DE SÓDIO E POTÁSSIO 
 ALUNOS RECEBENDO OS VISITANTES



TRABALHO SOBRE CÉLULAS - ESCOLA EUFROSINA PINTO

Célula: unidade fundamental dos seres vivos (exceto os vírus).
 A ditretora Rosane observando os trabalhos!
 A Duplicação do DNA...esses meninos são criativos.
 Formas celulares: Muito criativo o Neurônio de crochê, o paramécium com cenoura no macro e micronúcleo, parabéns!
 A Coordenadora Anézia fazendo suas considerações sobre os trabalhos e questionando sobre a celula vegetal.

 Bomba de Sódio e Potássio!!! Muito criativa...usaram uma batata como proteína.
 Célula animal comestível!!! Fizeram um bolo delicioso em forma de célula animal.
 Profa Magali, educadora física.

quinta-feira, 5 de junho de 2014

CITOLOGIA

Trabalho sobre células, apresentado pela turma do primeiro ano do ensino médio noturno da escola Hilda Bergo Duarte. Terça dia 03 de junho de 2014.









 Duplicação do DNA - fizeram com garrafa pet

 Célula vegetal
 Célula procariótica - Bactéria


 D NA e RNA


sexta-feira, 30 de maio de 2014

O QUE É CERTO E O QUE É ERRADO?

Gente, que é honesto e gosta das coisas corretas não diz: " Ah não me importo com esse problema porque há coisas piores", "É melhor roubar do que matar", "tem coisas piores para eu me preocupar"...é por isso que há tanta coisa errada no nosso país, nas nossas casas, nas nossas igrejas, nas nossas escolas, nas nossas ruas...tudo tem que ser levado em conta. Não há um erro melhor que o outro, há o erro. Não importa se o crime é pequeno ou grande...é um crime e tem que ser punido. Quando uma criança mente e o pai acha "engraçado" ele ensina seu filho a mentir e ele vai crescer mentindo, enganando porque aprendeu que é certo, não tem problema "uma mentirinha". Quando um pai permite que seu filho tome uma "cervejinha" em família mesmo sendo menor ele ensina seu filho a "beber" e não vai poder reclamar quando seu filho pegar o carro, colocar um som altíssimo, bater o carro, matar e morrer...porque ele ensinou que beber é legal, e ensinou isso bem cedo, não ensinou a responsabilidade que precisa ter um ser humano, não ensinou a ser cidadão que respeita. É bem por aí...olhe ao redor e veja se tenho ou não tenho razão no que estou falando.

terça-feira, 20 de maio de 2014

3º ANO - POLIALELIA - ATIVIDADES




01) Em relação ao sistema sanguíneo ABO, um garoto, ao se submeter ao exame sorológico, revelou ausência de aglutininas. Seus pais apresentaram grupos sangüíneos diferentes e cada um apresentou apenas uma aglutinina. Os prováveis genótipos dos pais do menino são 
a) IBi - ii    b) IAi - ii.      c) IAIB - IAi.      d) IAI        B - IAIA.       e) IAi - IBi.

2) Nos exames pré-nupciais é realizado o teste do fator Rh para detectar a possibilidade de eritroblastose fetal. Sobre essa doença, é CORRETO afirmar que: 
a) filhos de homem Rh+ não nascerão com eritroblastose fetal, qualquer que seja o grupo sanguíneo da mãe. 
b) se a criança for do mesmo grupo sanguíneo da mãe, nascerá com eritroblastose fetal. 
c) se os genes do pai forem homozigotos, a probabilidade de eritroblastose fetal no filho é de 50%. 
d) o primeiro filho Rh+ poderá nascer com eritroblastose fetal, caso a mãe tenha recebido uma transfusão de sangue Rh+
3) Além do teste de DNA, há exames mais simples que podem ajudar a esclarecer dúvidas sobre paternidade. Por exemplo, o teste de tipagem sanguínea do sistema ABO permite determinar quem não pode ser o pai. Assinale a alternativa que apresenta uma situação em que esse exame assegura a exclusão da paternidade: 
a) O filho é do tipo O, a mãe do tipo O e o suposto pai do tipo A. 
b) O filho é do tipo AB, a mãe do tipo AB e o suposto pai do tipo O. 
c) O filho é do tipo AB, a mãe do tipo A e o suposto pai do tipo B. 
d) O filho é do tipo B, a mãe do tipo B e o suposto pai do tipo O. 
e) O filho é do tipo A, a mãe do tipo A e o suposto pai do tipo B. 
 
04) Se um indivíduo do grupo sangüíneo B recebesse sangue de um indivíduo do grupo A, 
surgiriam problemas graves que poderiam levá-lo à morte, porque: 
a) as aglutininas anti-B do soro do doador aglutinariam as hemácias do receptor; 
b) as aglutininas anti-A do soro do receptor aglutinariam as hemácias do doador; 
c) os aglutinógenos A aglutinariam os aglutinógenos B. 
d) os aglutinógenos B aglutinariam os aglutinógenos A; 
e) as aglutininas B aglutinariam as aglutininas do doador.  

05) (FAFEID/2006) Considerando o sistema ABO na espécie humana, é CORRETO afirmar que 
a) um indivíduo do grupo sanguíneo O apresenta nas hemácias os aglutinogênios A e B. 
b) um indivíduo do grupo sanguíneo A apresenta nas hemácias o aglutinogênio A e no plasma 
aglutinina Anti-B. c) um indivíduo do grupo sanguíneo AB apresenta no plasma as aglutininas Anti-A e Anti-B. 
d) um indivíduo do grupo sanguíneo B pode receber sangue de B e AB. 
 
06) (PISM/2007) Considere que o tipo sangüíneo Rh é determinado por apenas um par de alelos 
com dominância completa. Clóvis, ao nascer, apresentou eritroblastose fetal. Tendo recebido o tratamento adequado, Clóvis se desenvolveu e se casou com Joana, cujos pais eram, ambos, Rh+. Sabendo-se que as duas avós de Joana eram Rh-, qual a probabilidade de Clóvis e Joana terem um descendente que sensibilize a mãe para a eritroblastose fetal? 
a) 0 
b) 1/8 
c) 1/4 
d) 1/2 
e) 1 
 


sexta-feira, 16 de maio de 2014

1º ano - BIOLOGIA CELULAR - E.E.HILDA BERGO DUARTE

Os alunos observando lâminas de células de raiz com corte longitudinal e transversal, Neurônios, células de ovário e testículo, células do fígado entre outras.   Escola E. Hilda Bergo Duarte. 1º ano do ensino médio, Turno noturno.







AULA PRÁTICA - PROTOZOÁRIOS

Após a preparação das culturas e manutenção que durou uma semana, foi a hora de observar os protozoários. Hoje a aula prática teve como objetivo a observação de protozoários de água doce. Os alunos do segundo ano do ensino médio da Escola Eufrosina Pinto prepararam as lâminas e observaram com a utilização de apenas dois microscópios. Mas a aula valeu a pena porque nas culturas estavam presentes paramécios.